Arquivo da categoria: não-notícia

Velcro. Ou não.

Deu no G1, mas chuparam da Reuters (Ui!):

kclarkson

É verdade. Cláudia Jimenez também não. Além do mais, RôRô te despreza.

Deixe um comentário

Arquivado em jukebox do inferno, não-notícia, só se fala em outra coisa

acabou

Pois é, dizem que Ronaldo, ex-fenômemo, atual Curintia,  tá afim de bater o recorde de Fábio Jr. em números  de vezes no altar.  Sabemos que a disputa será acirrada.  Até porque Ronaldo não tá perdendo tempo.

Depois de casar na Malhação com Suzaninha, emplacar um Ronald na Embaixadinha e  armar o barraco com Lady Cica na França, ele arrebatou  a socialite Bia Antony.  E parece que já dispensou!

Pra vocês verem, minha gente! Só tava esperando a tal Maria proveta Sophia nascer pra mandar um “ela me sufoca” um código novo que quer dizer você não tem o que eu preciso, ou seja,  pinto pra moça.

ronaldo2kk1

Minha paixão é a bola, Ronaldo sobre seus casamentos

Deixe um comentário

Arquivado em não-notícia

Laranja é a cor do verão

E hoje começa mais uma incrível saga da irmã do Marco Maciel, mais conhecida como Glória Perez. Além da preguiça de ter que engolir oito meses da receita: ponte aérea RJ/país exótico+amor impossível+polêmica social+tecnologia moderna+Eri Johnson, dessa vez a gente vai precisar de um pouco mais de fé na vida.

Porque, né? Miscigenações raciais a parte, será difícil encarar todo um elenco em tons de laranja no horário nobre tentando fazer a comunidade adoradora de bovinos e adepta ao curry nosso de cada dia.

Quem deve estar feliz é a comunidade carioca de clínicas de estética. Lucrando mais que na véspera do carnaval.

146_241-gloriab

Onodera, te dedico! – Glória Perez Maciel

2 Comentários

Arquivado em não-notícia

A dengue é assim, transgressora

Todo ano é a mesma ladainha. Junto com o verão, começam as ameaças de dengue, e as campanhas de conscientização criadas a pedido do Governo, por agências publicitárias no estilinho das do Marcos Valério.

Para quem não se lembra, 2008 foi o ano de glória do mosquito transmissor, que atingiu anônimos e famosos, no Brasil e no exterior.

Em 2009, a Globo resolveu inovar e, em vez daqueles filminhos de gente botando areia no vaso de planta, e agentes sanitários percorrendo as ruas esfumaçando as casas, botou no ar uma minissérie sobre uma das mais ilustres vítimas dessa praga:

maysadengue2– Eu sou assim, transgressora

O Pica sabe que o texto é um PORRE (há!), mává, é melhor que dengue!

4 Comentários

Arquivado em não posso deixar de perder, não-notícia, picaretas, só o CTRL + S salva!

Momento autoconhecimento

Ainda no Fashion Micareta do Projac Rio Isabeli Fontana disse que está num momento de autoconhecimento e GA-RAN-TI-U que está sozinnha. Então tá.

Problema é seu gata, pq a gente tá pegando. Sempre!

1 comentário

Arquivado em não-notícia

Só preto com preconceito!

Daí que tá rolando o Fashion Micareta do Projac Rio. E o Tony xiliquenta Garrido resolveu panfletar em nome dos pretos lá da primeira fila do desfile da Redley. E com toda sua indignação garrou (há!) nas entranhas sociais do precon racial para alarmar a ausência de escurinhos no casting dos desfiles cariocas.

E o melhor, Glorinha, a Maria (87 anos*), apoiou: “Preto também se veste no inverno.”

Olha, depende. Na África, nêgo nem come. Vestir então é para muuuuito poucos. Inverno? Não rola nem fodendo-o-ô.

Então relaxa, pára (com acento) de pregar moral de cueca,  e goza na primeira fila. E vê  se não pede pras modelos boicotarem o ganha pão delas. Vai que elas resolvem fazer greve de fome!?

016459530-exh00

“Ser negro no Brasil deve ser muito sofrido!” – Glorinha

*a partir de agora o Pica passará a citar a idade dos personagens.

Ps.: antes que alguém resolva processar a gente, queremos deixar claro que a Pica tb é preta. Pq Pica preta é maior.

3 Comentários

Arquivado em assim não dá!, Assim não pode, não-notícia, picaretas, só se fala em outra coisa

Viagra nele!

Daí que a gente brochou, e brochou feio. E o Pica caiu tal qual a Bastilha.
Mas como hoje existe Viagra, ele voltou! Com a mesma falta de contexto de sempre, mas sem nenhuma promessa de permanência. Pq, né? Não se pode prever a próxima brochada.

E tem vezes que nem Viagra fortalece!

2 Comentários

Arquivado em não-notícia